Inicio Sem categoria Conselho de Saúde de Belo Jardim aprova implantação do Centro de Parto Normal

Sem categoria

Conselho de Saúde de Belo Jardim aprova implantação do Centro de Parto Normal

Nesta segunda-feira (26), o Conselho Municipal de Saúde realizou a primeira reunião de 2018, com a apresentação do projeto “Centro de Parto Normal”, que será implementado na rede pública de saúde de Belo Jardim. A reunião aconteceu no Hospital Júlio...

Nesta segunda-feira (26), o Conselho Municipal de Saúde realizou a primeira reunião de 2018, com a apresentação do projeto “Centro de Parto Normal”, que será implementado na rede pública de saúde de Belo Jardim. A reunião aconteceu no Hospital Júlio Alves de Lira, e contou com a participação dos conselheiros, do secretário de Saúde Cecílio Galvão, da diretora de Saúde Bruna Brainer, dos coordenadores e diretores e da assessora de planejamento, Aparecida Souza.

O projeto foi apresentado e teve a aprovação dos 12 conselheiros. A implantação do Centro de Parto Normal tem como objetivo humanizar e integrar o atendimento às gestantes na rede municipal de saúde, desde o início do pré-natal, que é realizado na Unidades Básicas de Saúde (UBS), até o momento da internação e alta médica da parturiente.

As gestantes serão acompanhadas pelas Unidades Básicas de Saúde (UBS), que identificarão, durante as consultas de pré-natal, as condições relacionadas a saúde da paciente, para que o parto natural possa ser realizado sem nenhuma intercorrência. Nos casos de partos que não puderem ser realizado no centro, as parturientes serão encaminhadas para unidades de referência, ou para o Hospital Santa Fé, localizado em Belo Jardim e credenciado ao município.

O Centro de Parto Normal funcionará nas instalações do Hospital Júlio Alves de Lira, e contará com sala de recepção, acolhimento e registro, sala de exames e admissão de parturientes, quartos de pré-parto, parto e pós-parto, área de estar, posto de enfermagem e ambientes de apoio. O centro contará com atendimento especializado na área obstetrícia, com enfermeiros, técnicos e médicos, que participarão de capacitações permanentes na área.

Com a implementação do centro, 840 partos deverão ser realizados por ano em Belo Jardim. Uma média de 70 partos por mês. “Nós fizemos uma pesquisa técnica juntamente com a assessoria de planejamento da Secretaria de Saúde, e observamos a necessidade de se criar um ambiente para parto normal em Belo Jardim. Estamos dando um passo muito importante, pois, com a implantação do centro, nós seremos referência em atendimento na região. O primeiro passo foi dado, com a aprovação por parte do conselho, e agora iremos em busca de recursos para a efetivação do projeto. Muito breve teremos mais filhos naturais de Belo Jardim”, declara o secretário de Saúde, Cecílio Galvão.

Durante a reunião, a coordenadora da Atenção Básica da Secretaria de Saúde, Natália Silva, destacou a importância da criação do centro no município. “Nós acompanhamos de perto as gestantes nas UBS, e sabemos da grande aflição que elas têm quando o momento do parto se aproxima. Essa ação é grandiosa e irá revolucionar o atendimento em saúde no município”, pontua.